• Adriana Rielo

Aí vem a vida e vira tudo do avesso...



Aí vem a vida e vira tudo do avesso para que a gente dê valor às pequenas coisas do nosso dia a dia.


Foi preciso uma pandemia, um caos político, tantas perdas, para começarmos a compreender a valorizar cada minuto da nossa vida, cada pessoa ao nosso lado, cada coisa que temos e cada dia que amanhecemos.


Foi preciso nos trancarmos em casa, quem pôde, para acalmarmos nosso ritmo frenético e ressignificarmos tudo à nossa volta.


Foi preciso um ser invisível para parar o mundo para percebermos que tudo estava errado.


Não, não “consertamos” tudo e ainda temos muito, muito o que arrumar, reorganizar, reestruturar externa e internamente, mas de alguma forma, o chacoalhão foi dado e serviu para refletirmos sobre nós mesmos.


Quero eu acreditar que aprendemos um pouco com tudo o que nos aconteceu nos últimos dois anos.

Quero eu acreditar que um novo e primeiro passo foi dado para nos conscientizarmos da importância que cada um tem nesse planeta, nessa vida e nesse mais um dia que nos foi dado. Por tudo isso, gratidão!


Quero aproveitar cada segundo para ser feliz, fazer de alguma maneira, com que os outros também sejam felizes.


Quero arrancar gargalhadas, choro até e, porque não, mas de emoção e de felicidade.


Quero poder contribuir para a evolução do ser humano e para dias melhores.


Quero acreditar que, da mesma forma que eu, você também tenha alegria de viver e queira fazer deste mundo um lugar melhor para todos nós.


É com esta mensagem de puro amor por mim, por você e por todo o mundo, que desejo um lindo Natal e um 2022 com mais alegria, desprendimento, sabedoria, paz, saúde, prosperidade e muito amor para todos.


Obrigada pela companhia em 2021!! E bora lá para mais um ano juntos!


Muita luz! Até já!


Adriana Rielo

Organização Prática Criativa

6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo